2 de dez de 2013

My mom's boyfriend - Capítulo cinco

Ciumes

Narrado por Zayn


- Já entendi tudo. Você me beija e depois se arrepende? Qual seu problema? -Ela estava irritada-
- Não passou de um deslize -Disse tentando acalmá-la-
- Ah claro -Disse irônica- Eu sei que você queria Zayn!
- Por que acha isso? -Estava ficando nervoso-
- Por que também queria -Respondeu baixo e olhou para o chão-
Ela realmente falou isso ou estou imaginando coisas?
- O que foi que você falou? -Perguntei surpreso-
- O que você ouviu -Ela respondeu grossa e saiu do quarto-
Meu Deus, o que fiz? Eu não deveria ter beijado a Lottie e nem ter falado essas coisas para ela. Sei que a mesma ficou muito chateada, mas vou falar com ela amanhã.  Me deitei na cama com esses pensamentos e adormeci. No outro dia, acordei as 5 horas com um uma mensagem, era de Rebecca.
" Oi amor, como você está? Lottie tem dado trabalho? 
Te amo, Rebecca."
Visualizei a mensagem e respondi de forma simples. Me levantei, fui ao banheiro, escovei os dentes e sai do quarto só de cueca mesmo. Passei no quarto de Lottie e percebi que ela já tinha acordado. Fui para a cozinha e a encontrei lá fazendo o café. Me aproximei lentamente e a abracei por trás.
- Bom dia Lottie -Disse próximo ao seu ouvido-
- Bom dia -Ela respondeu indiferente. Sim, ela está chateada-
- Dormiu bem? -Perguntei por educação-
- Sim -Respondeu sem nem olhar pra mim. Suspirei-
- Lottie, eu sei que fui meio rude contigo ontem, eu sei que você está chateada e eu queria te pedir desculpas -A virei de frente pra mim-
- Não estou chateada -Ela disse tentando se virar-
- Então por que não quer olhar pra mim? -Arqueei as sobrancelhas-
- Seus olhos Zayn -Ela respondeu com um suspiro-
- O que têm eles? -Eu estava confuso-
- Eles são tão bonitos e atraentes -Ela se aproximou um pouco mais- Não consigo mentir quando olho para eles -Ela abaixou a cabeça-
- Esquece isso Lottie. Me desculpa, não por ter te dado o beijo, mas por ter falado aquelas coisas sem pensar -Ela me abraçou-
- Eu te desculpo Zayn -Sorri- Então você não se arrepende de ter me beijado? -Neguei- Fico feliz -Ela sorriu-
- Por quê? -Eu queria saber o porque de tudo aquilo-
- Porque eu não gosto de quando as pessoas fazem as coisas e depois se arrependem -Ela disse simples-
- Ah sim -Eu disse assim que entendi-
- Alguma coisa vai mudar entre nós? -Ela perguntou. Fiquei sem resposta por um momento-
- Vai -Ela me olhou decepcionada- Eu vou ter que me controlar para não te agarrar de novo -Ela arregalou os olhos-
- Zayn! -Ela me repreendeu- Você está com minha mãe
- Eu sei, mas ela não está aqui. Podemos aproveitar -Eu disse malicioso-
- Estou ficando com medo de você, sério -Revirei os olhos-
- Calma, eu não vou fazer nada se você não quiser -Ela suspirou aliviada- Eu acho... -Ela me deu um soco no braço e comecei a rir-
- Não tem graça -Fez bico-
- Tem sim, eu gosto de te irritar. Você fica linda irritadinha -Apertei suas bochechas-
- Cala a boca -Ela riu- Você quer comer? -Gente, desculpe-me, mas eu tive que pensar besteira-
- Não via a hora de você me fazer essa pergunta -Sorri meio safado-
- OH MEU DEUS -Lottie ficou envergonhada- Zayn, você é tão safado -Ela disse indignada-
- Você não viu nada meu bem -Pisquei- Mas enfim...Vamos comer porque estou morrendo de fome.
Comemos e conversamos, toda hora eu dizia as coisas com segundas intenções só para ver Lottie irritada. Terminei de comer e fui me arrumar para ir trabalhar. Lottie foi se arrumar também para ir a escola. Eu iria levá-la para lá. Ela desceu já pronta e entramos no carro. Conversamos um pouquinho e depois chegamos na escola.
- Eu venho te buscar, ok? -Ela assentiu. Dei um selinho nela-
- Zayn -Revirei os olhos-
- Eu estava com vontade e sei que você gostou -Ela sorriu e saiu do carro-
Dirigi um pouco apressado, pois estava atrasado. Mesmo sendo o chefe, eu também tenho minhas responsabilidades. Deixei meu carro no estacionamento e subi de elevador. Sai no andar da minha sala e caminhei pelos corredores falando um bom dia para meus funcionários. Eles estavam estranhando minha felicidade logo pela manhã, já que normalmente sou mau humorado. Não tem como não sorrir quando você convive com Lottie, ela é uma mulher incrível! Entrei na minha sala e os meninos já estavam me esperando.
- Bom dia -Disse a todos-
- O que a Lottie fez para você estar alegre desse jeito? -Louis perguntou malicioso. Revirei os olhos-
- Ai que exagero! -Disse me sentando-
- Como foi ontem com ela Zayn? -Liam perguntou-
- Depois do almoço, nós fomos no parque, conversamos bastante, fomos para casa e nos beijamos antes de dormir -Vi os meninos arregalarem os olhos-
- O QUÊ? -Niall gritou-
- Vocês se beijaram como? -Harry perguntou-
- Assim, nós encostamos os lábios, minha lingua entrou em sua boca e... -Harry me interrompeu-
- Essa parte eu sei -Ele revirou os olhos-
- Mas quem teve a atitude? -Louis perguntou-
- Eu -Respondi simples-
- Mas por qual motivo? -Niall perguntou. Os meninos estavam surpresos-
- Eu tinha acabado de tomar banho, estava em minha cama lendo um livro qualquer. Lottie entrou no quarto com um pijama minusculo e vocês sabem o quanto ela é gostosa, aí eu não consegui resistir. Quando dei por mim já estava a beijando -Eles me olhavam de boca aberta-
- E depois aconteceu o quê? -Harry perguntou. Estamos parecendo aquelas meninas que adoraram falar sobre meninos e blá blá blá-
- Eu fiquei a encarando, suspirei e ela perguntou se eu tinha me arrependido, aí eu respondi que aquilo não deveria ter acontecido. Ela ficou irritada e depois disse que também quis me beijar. Ai hoje de manhã fui me desculpar com ela e já estamos de bem -Respondi meio rápido-
- U.A.U -Liam respondeu pausadamente- E você vai contar pra Rebecca?
- Claro que não, ela vai ficar chateada comigo e com a Lottie -Peguei o celular para ver o horário-
- Quem diria, Zayn Malik gamadinho na filha da namorada -Louis zombou-
- Não estou "gamadinho", foi apenas um momento que houve uma forte atração -Eles reviraram os olhos- Agora vamos trabalhar que temos muita coisa pra fazer -Eles assentiram e cada um foi para sua sala-

Narrado por Charlotte
Assim que Zayn me deixou na escola, fui ao encontro de Molly. Conversamos algumas coisas sobre o dia em que passei com Zayn. Ainda não contei para ela sobre o beijo e pretendo contar no intervalo, porque se eu contar durante a aula ela vai surtar e os professores vão encher o saco.  Bateu o sinal do intervalo, é agora.
- Amiga, tenho que te contar uma coisa -Disse assim que pegamos nossa comida e sentamos na mesa-
- Diga -Molly disse bebendo seu refrigerante-
- Ontem, eu estava na casa do Zayn, aí tomei banho e fui até o quarto dele. Ele me olhou, veio em minha direção nos beijamos -Ela engasgou-
- VOCÊS SE BEIJARAM? -Ela deu um berro e algumas pessoas olharam pra cá- Estão olhando o quê? -Molly perguntou e eles desviram o olhar-
- Sim, nos beijamos. Houve um desentendimento depois disso, mas hoje de manhã nos resolvemos. Ainda bem porque não aguento ficar brigada com ele -Expliquei tudo para ela-
- Você vai contar pra sua mãe? -Ela perguntou receosa-
- Claro que não, ela vai ficar chateada comigo e com Zayn -Bebi meu refri-
- É amiga, agora eu tenho certeza que ele te quer -Revirei os olhos-
- Eu continuo achando que isso não é verdade -Respondi mexendo no celular-
- Eu vou te provar que é verdade. -Arqueei a sobrancelha-
- Como? -Perguntei sem ânimo-
- Está vendo o Julio César? -Ela apontou para ele. Eu sempre fui apaixonada por esse menino -
- Sim, o que tem? -Perguntei-
- Ele não para de te olhar -Meu coração acelerou. Eu gosto dele ainda, um pouco, mas gosto-
- Ta, mas o que isso tem a ver? -Eu estava confusa-
- Vai lá falar com ele, manda um mensagem para o Zayn dizendo que não precisa ele vir te buscar, porque você vai sair com um menino -Ela explicou-
- Mas por que tenho que fazer isso?
- Para nós vermos a reação do Zayn. Se ele ficar bravo, vai me mostrar que ele te quer -Ela respondeu óbvia. Até que gostei do plano-
- Certo -Sorri- Vou lá falar com ele -Levantei da mesa, ajeitei minha roupa e fui em direção ao César-
-Olá Lottie -Ele me cumprimentou com um beijo na bochecha-
- Oi César -Respondi um pouco sem graça-
- Tudo bem? -Ele perguntou sorrindo. Que menino lindo-
- Sim e você? -Perguntei sorrindo de volta-
- Melhor agora -Ele piscou e eu dei risada- O que te trouxe até aqui?
- As pernas -Respondi em tom de brincadeira e ele gargalhou- Brincadeira, eu vi que você estava me olhando. Aconteceu alguma coisa?
- Ah não, é que você é tão bonita que não tem como não olhar -Senti minhas bochechas ficarem vermelhas- Hum, você gostaria de sair comigo hoje? -Ele perguntou um pouco envergonhado. Ai que menino fofo, meu Deus-
- Claro -Respondi empolgada. Desde a quinta série eu sonho com esse pedido-
- Quando tocar o sinal da saída eu vou te esperar lá fora -Assenti- Então até daqui a pouco -Dei um tchauzinho. O Sinal tocou e voltei para sala-
As aulas se passaram rápido. Mandei uma mensagem avisando Zayn que não precisaria me buscar. Me encontrei com César lá fora, entrei em seu carro e fomos dar uma volta pela cidade. Relatamos sobre nossas vidas, contamos o que gostávamos e o que não gostávamos. Ele confessou que sempre quis sair comigo, mas nunca teve coragem de pedir, pois achava que diria não. Estava entardecendo então ele me levou até a casa do Zayn. Descemos do carro juntos, subimos de elevador. Bati na porta e Zayn atendeu. Sua cara não era uma das melhores.
- Oi Zayn -Sorri-
- Olá Charlotte -Ele respondeu encarando o César-
- Esse é o Julio César -Eles apertaram as mãos-
- Hum, já está entregue Lottie. Até amanhã -Ele me deu um selinho e entrou no elevador-
- Ai meu Deus -Suspirei com um sorriso bobo e entrei no apartamento. Zayn me encarava de forma séria- O que foi? -Perguntei de um jeito provocador-
- Quem é ele? -Ele perguntou ainda sério-
- Julio César. Nos conhecemos desde a quinta série. Sai com ele hoje -Sorri- Ele é tão perfeito Zayn -Disse para ele com um sorriso bobo-
- Não gostei dele -Disse bravo. Comecei a rir- O que foi? -Perguntou confuso-
- Você está com ciumes? -Zayn arqueou a sobrancelha-
- Lógico que não Charlotte -Revirei os olhos-
- Então por que toda essa cena? -Agora eu não estava entendo mais nada-
- Porque você é minha Charlotte -Arqueei a sobrancelha- Não venha discordar.
- Quem disse que sou sua ? -Eu estava me sentindo estranha-
- Eu disse e eu sei te provar que você é minha -Ele se aproximou e colocou as mãos em minha cintura-
- Zayn, sai -O empurrei- Você namora minha mãe, não sei porque tanto ciumes comigo -Ele revirou os olhos-
- Entenda: Mesmo namorando sua mãe, mesmo estando com ela, você continua sendo minha. Ninguém tem o direito de te tocar, de te beijar, só eu -Ele começou a beijar meu pescoço-
- Depois você diz que não está com ciumes -Ele revirou os olhos. Comecei a rir-
- Você fala muito -Fui responder mas ele me calou com um beijo-




Oi gente c: Como estão?
Vocês estão gostando da fic? Comentem.
Eu resolvi colocar o Julio César na história, só pra haver um ciumes da parte do Zayn. 
Eu me inspirei no menino que eu gosto (ele chama Julio César também e é parecido com o guri da foto).
Hoje não vou poder postar mais um capitulo, porque estou com meu irmão aqui (ele tem 6 anos), já que ele nn teve aula hoje, então tenho que cuidar dele.
É o seguinte:
 A Molly vai ficar com um dos meninos, mas eu não sei quem. Escrevam nos comentários quem vocês escolhem, por favor! Pode ser qualquer um dos meninos, menos o Zayn, pq ele é da Lottie u.u
O próximo capitulo será maior, prometo.
Bjs




















3 comentários:

Vas Happenin?